A Alfaiataria

Uma proposta criativa, dois caminhos de estilos. Os jogadores ganham um mood mais jovem com a produção monocromática em azul marinho, tendo como diferencial a gravata slim fit mais estreita de 4cm. Já a comissão técnica, chega para o momento do mundial com camisa branca e gravata também estreita com 6cm, garantindo um visual mais sério. Os detalhes foram pensados para manter a personalização de cada grupo sem perder os códigos da alfaiataria.

A modelagem valorizou o corpo atlético do jogador respeitando a estrutura física de cada um, sem perder a estética da assinatura da marca.

Os jogadores não perderão a própria personalidade e a
essência do universo esportivo
ao usar uma alfaiataria.
Quisemos desde o início
respeitar essa premissa, uma
vez que eu sempre valorizo, no
meu dia a dia, a identidade e
estilo de vida do cliente.

Ricardo Almeida

Os jogadores não perderão a própria personalidade e a
essência do universo esportivo
ao usar uma alfaiataria.
Quisemos desde o início
respeitar essa premissa, uma
vez que eu sempre valorizo, no
meu dia a dia, a identidade e
estilo de vida do cliente.

Ricardo Almeida

Inspirações
Deep Blue

elegância nos pequenos detalhes

Tecido exclusivo

A alfaiataria não podia deixar de trazer o toque do estilista no assunto matéria-prima. O costume foi produzido em tecido 100% lã fria, mas traz um fator surpresa na sua composição: o mix de fios com duas cores diferentes – uma combinação de azul royal e preto, que revela um novo tom de azul marinho com efeito changeant (muda sutilmente a cor conforme a incidência de luz).

“Foi uma forma de levar um toque diferenciado e moderno para a alfaiataria que, mesmo com uma cor clássica como o azul marinho, ganha um resultado inovador aos olhos de quem vê. Não é só um azul marinho. É um azul marinho particular e pensado para esse momento tão especial”.

Forro especial

O destaque da alfaiataria fica para o forro do blazer que o estilista desenvolveu especialmente para este projeto.

A parte interior da peça vem com padronagem construída em jacquard, que já é uma característica do estilista, inspirada no construtivismo russo _ estética que sintetiza imagens em formas geométricas simples, buscando passar uma mensagem de forma rápida.

Assim, quem observa o forro consegue ver as taças e os anos que a seleção brasileira foi campeã ao longo da história dos campeonatos mundiais de futebol.E, claro, o jogo de cores do azul e amarelo não podia ficar de fora, marcando a brasilidade.

Atenção aos pés

Os sapatos de couro foram desenvolvidos com uma fôrma especial adaptada aos pés dos atletas na fábrica de calçados do estilista, localizada na cidade de Franca, em São Paulo.

Vale a pena destacar a composição de cada parte da peça: solado de EVA; revestimento de neoprene interno, como se fosse uma meia, referenciando assim o estilo esportivo; e a estética do sapato social brogue, que busca levar com sutileza o código clássico da sapataria que normalmente é usada na alfaiataria.

CBF -  Neymar Jr. Veste Ricardo Almeida